sábado, 21 de junho de 2008

Momentos


Sempre gostei de escrever. Desde criança. Eu costumava escrever pequenas historias em caderninhos... não sei porque comecei com isso, talvez quando comecei ler gibis da turma da Mônica, ou talvez porque eu ganhava muitas agendinhas daquelas com o piu piu na frente... e de fato, foi nelas que comecei a escrever.
Até hoje eu tenho uma certa "tara" por cadernos e agendas, eu começo a escrever algo em um, e chega uma hora que eu canso do lugar que estou escrevendo e quero começar do zero.

Começar do zero. Taí uma coisa em que sempre penso. Ja comecei do zero muitas vezes na minha vida, algumas vezes foram erradas, algumas foram certas. E quando compro outra agenda pra escrever, é como se eu começasse do zero também, porque eu acabo escrevendo algo diferente sempre, e isso é bom pra mim...

Em breve eu vou começar do zero mais uma vez, e espero que seja uma das vezes que a decisão seja a boa...
Há momentos que eu me acho adulta, que eu pareço mais madura que meus amigos;já outros momentos, eu me acho uma pré-adolescente boba que se encanta com o mínimo.Não sei muito bem o que pensar sobre isso. Descobri que sou assim mesmo, que durante bons "períodos", sou mulher com jeito de menina;talvez seja uma estratégia? Ou simplesmente é o poder que certas pessoas exercem sobre mim, sem eu nem perceber!

É bizarro pensar nisso. Se encantar de tal forma que parece que regredi a época que desenhava coraçõezinhos com nomes, nos diários de folha cor de rosa. Já passei dessa fase. Mas mesmo assim, eu gosto daquela carinha inocente, que tem a minha idade, é tão maduro quanto eu, mas engana também, e eu também, de certa forma, me sinto mais inocente.

Mas o principal a se dizer, é que muitas vezes há um "diabinho" dentro de um corpo... "angelical".

É... "a rapadura é doce, mas não é mole não".Só arriscando, vou ver aonde tudo isso vai dar...








..

10 comentários:

Andréia disse...

eu ja tive 2 agendas.. + acho não era muito sincera nas coisas que eu escrevia..rsrs

começar do zero é sempre bom.. ótima maneira de se esquecer das decepções e tentar denovo.

instantes e momentos disse...

vim uma vez, gostei. muito bom teu blog. Vou voltar sempre.

Fatima Gama disse...

Eu gostei da parte da diabinha dentro do corpo angelical rrs, cara tem horas que devemos deixá-la sair...mas um conselho: bem devagar e segurando seu rabo porque no primeiro sinal de loucura puxe o rabo e enfie ela lá dentro de novo, depois você sentirá saudades dela de vez em quando, ah isto me lembra um post que fiz uma vez rsr. Adorei o que escreveu lá no meu blog, muito obrigada, saiba que existe uma reciprocidade muito grande. Mesmo quando não sabe o que escrever escreve muito bem? Eu também sempre gostei de escrever...por isto acabo quase sempre fazendo um post nos comentários rsr. Bjs e um domingo bem doce, com gosto de morango com chantilli rsr

Rui Carlo disse...

Oi Afrodite, fiquei uns dias fora de minha cidade, tô há 500km de distancia de casa, ministrando um curso de saude publica...
Adorei o post: é isso aí, às vees começando, outras re-cmoneçando
SEMPRE vivendo
boa sorte, e espero que não uebre a cara, mas se acontecer, para que servem os amigos senão para ajudar a juntar "cacos de vida no chão"?
Gde beijo, minha divina

Vanna disse...

Querida, sei bem o q vc está dizendo. Tb sou assim.
Aliás, tb amo escrever e sempre fiz, pena não tê-los guardados pois nunca ganhei essas agendinhas e escrevia mesmo em qualquer folha. Quando ganhei minha máq. d escrever (é, sou dessa época rsrs)escrevia em folhas d papel A4 q amarelaram e foram p/ lixo fora os q eu presenteava. Ainda bem q sobrevivi e hoje existem os blogs.
Bjs,lindo dom. e ótima semana.

Mari disse...

Oi,querida

Adoro agendas,cadernos,canetas,canetinhas coloridas,borracha...e cheiro disso tudo!!

Tive umas 8 agendas....guardava tudo...(escondido)..
quando casei ,coloquei fogo em tudo...
Nada do que estava escrito ali era publicável..rs

Comecei do zero muitas vezes...e sempre foi bom!

Bjs

Aline disse...

Oi,querida
Ah,qual mulhrr não fez isso,nénão?Eu tive muuitas agendas.Algumas ainda guardo e leio às vezes e rio muito da época em que escrevi..

Pois é,querida...essa coisa da rapadura não ser mole...e vc queria que fosse?rs

bejoca

Micha disse...

me reconheci tantas vezes em suas palavras... ui...
e é isso aí, tem q arriscar..boa sorte aí.

Uma ótima semana para você!

/(,")\\
./_\\. Beijossssssssss
_| |_.................

Bonequinha de Luxo disse...

Oi,linda Vênus

Adorei..parecia que era eu quem estava esvrevendo...já fiz tudo isso..escrevi em trocentas agendas e rasguei...Comecei do zero na vida também muitas vezes..Mas,estamos vivas,né?E jovens,ainda..

Beijos

Lomyne disse...

Eu acho uma delícia escrever, amor agendas!!! Guardo as do tempo de escola até hoje...