terça-feira, 28 de abril de 2009

Sede e Solidão



Nem ia beber, mas pensando bem, me traz um pouco de vodka, não, não, me traz muita vodka com gelo, açúcar e limão. Se não tiver bebida traz um pouco de saliva. Com você vivo até no deserto e tenho certeza amor, que de sede, não morreremos não.

4 comentários:

Márcio Luiz Soares disse...

Dessa bebedeira, quero até a ressaca! Gostei! Muito bom.
Beijo

EXAGERADO disse...

Oi,linda
Adorei...por certo esta é de cor de bêbado!!!

Gostei muito do novo tamplate.Também coloquei nov as cores no meu...passa lá!

Luciana disse...

O amor é lindo... rs
Alivia até a nossa sede. Alivia também muitas outras coisinhas... rs
Mas é sério. O amor é tudo na vida, e essa sensação de amar é maravilhosa...

Beijos!

Anarquistas disse...

Oi,Vênus
Ai,que Saudades de ti.Nunca mais vc escreveu lá no Anarquistas..tá jogdo às traças...rs

Que coisa linda que vc escreveu!Ai que delícinha!!!

bjus

LU